Tag : electricistas

Peça uma previsão de cargas a um electricista do Areeiro

shutterstock_357589688

Se mora no Areeiro e está a pensar em fazer uma obra ou remodelação, é importante procurar os serviços de um electricista do Areeiro para que lhe possa fazer uma previsão de cargas, quer relativamente à quantidade de tomadas de uso geral que deve ter em casa, quer no que diz respeito aos pontos fixos no tecto para iluminação. Já tinha pensado nesta importante decisão relativa à instalação eléctrica?

O primeiro passo que o electricista do Areeiro deve dar é a determinação de uma previsão de cargas da sua casa, isto é, fazer uma estimativa de todos os equipamentos eléctricos que irá ligar à instalação eléctrica quando esta estiver operacional.

Nesta projecção, o electricista do Areeiro terá de ter obviamente em conta de que, inicialmente, a quantidade de equipamentos será mais diminuta e que provavelmente irá sofrer alterações com a passagem do tempo, à medida que crescer a necessidade de adquirir novos equipamentos.

Assim, o electricista do Areeiro terá de fazer um inventário com os equipamentos e possíveis ampliações devidamente listadas para compor o projecto eléctrico e assim decidir quantas tomadas deve ter a casa de acordo com o que irá ser instalado, deixando uma boa margem para futura ampliação. Desta forma estará a evitar o uso de extensões, que consomem mais energia e podem comprometer a segurança da instalação eléctrica.

 

Tomadas

Antes de mais, convém esclarecer que as tomadas de uso geral são aquelas que são utilizadas para a alimentação de aparelhos móveis ou portáteis comuns, como televisores, aspiradores de pó, candeeiros, etc.

De fora desta previsão ficam aquelas tomadas que não são destinadas a equipamentos específicos, tais como chuveiros ou torneiras eléctricas.

Numa residência há uma quantidade mínima deste tipo de tomadas, que devem ser instaladas de acordo com a área das divisões e com os equipamentos que aí poderão vir a ser ligados, devendo seguir os seguintes critérios:

  • Prever 1 tomada por cada divisão de área igual ou inferior a 6m
  • Prever 1 tomada para cada 5m de perímetro divisões de área superior a 6m², excepto nas casas de banho. Com efeito, para alguns ambientes, como a cozinha e a casa-de-banho, há regras mais específicas e as tomadas devem ser posicionadas em locais pré-determinados.
  • Prever 1 tomada para cada 3,5m de perímetro de cozinhas ou copa, sendo que acima de cada bancada de 30cm, ou maior, também se deve colocar uma.
  • Prever 1 tomada em subsolos, sótãos, garagens e varandas
  • Prever 1 tomada junto ao lavatório, nas casas-de-banho.

Iluminação

  • O electricista do Areeiro deve prever pelo menos um ponto fixo no tecto comandado por um interruptor em cada divisão da casa.
  • No caso de espaços de dimensões reduzidas e/ou em locais de difícil acesso – nomeadamente em arrecadações, dispensas, varandas, casas-de-banho, etc. – o electricista do Areeiro poderá substituir o ponto do tecto por um ponto na parede.

Agora já tem algumas noções relativas à sua instalação eléctrica que poderão determinar quantas tomadas deverá instalar na sua casa, bem como pontos de iluminação. Mas já sabe que só a opinião de um profissional poderá chegar a resultados precisos que colmatem as suas necessidades de consumo de energia eléctrica.

 


Como escolher um bom electricista

shutterstock_283974365

Quando necessitamos de fazer obras em casa é importante estar rodeado de bons profissionais. A electricidade em particular é uma necessidade essencial em cada casa e um factor muito importante para o conforto do lar. Por isso, escolher um bom electricista é fundamental, não só por uma questão de funcionalidade – pois uma instalação adequada garante a eficiência de todos os aparelhos eléctricos – como também de segurança.

Escolher um bom electricista pode não ser tarefa fácil, mas algumas orientações podem facilitar o trabalho.

1. Verifique qualificações e referências do electricista

Procure referências de trabalhos realizados anteriormente, nomeadamente comentários de outros clientes, quer seja através de amigos ou vizinhos, colegas de trabalho e até mesmo através de comentários online. Os clientes que não estão satisfeitos como o serviço do electricista provavelmente irão postar online os seus comentários.

E atenção: a empresa e a reputação da empresa a que ele pertence, apesar de ser de extrema importância, não deve ser suficiente para julgar o seu serviço. Assim, se tiver um bom feedback de outras pessoas que o contrataram, mais facilmente pode avançar para a adjudicação do trabalho. Caso receba referências negativas, não arrisque.

Entretanto, deve também perguntar ao electricista qual a sua formação, quantos anos tem de serviço e qual a sua situação profissional actual. Não hesite em fazer todas estas perguntas, porque um electricista não deve hesitar em apresentar a sua credibilidade.

2. Avalie a experiência do electricista

É importante conhecer a fundo a experiência do electricista que pretende contratar para que possa lidar com quaisquer problemas eléctricos.

Como qualquer outra profissão, os electricistas não são todos iguais e uns têm determinadas qualificações, outros experiência em diferentes áreas de trabalho, etc.

Geralmente, as pessoas preferem contratar um electricista com pelo menos três anos de experiência no ramo, por uma questão de segurança. De qualquer forma, tal não quer dizer que se contratar alguém com menos experiência não poderá ficar satisfeito com o seu trabalho. Analise bem todos os orçamentos propostos.

3. Tenha em conta o projecto

Para escolher um bom electricista é importante ter em mente quais os seus objectivos e conhecer o projecto de obras: o trabalho inclui sistemas especializados, tais como alarmes de incêndios, segurança, som, vídeo, entre outros?

Avalie tudo muito bem antes de começar a procurar um electricista, que terá de ser tecnicamente competente, respeitável e com conhecimentos profundos na área.

4.Clarifique todas as questões contratuais

Reúna as informações suficientes antes de contratar o profissional. Discuta com ele todas as suas necessidades e peça-lhe um orçamento para saber de antemão o custo total do serviço. Alerte-o para incluir também taxas de deslocação, de telefonemas, entre outros extras. Um electricista experiente é capaz de dar uma estimativa precisa e detalhada dos custos do projecto.

Peça-lhe também um descritivo do que inclui o serviço contratado, bem como o material a ser utilizado, os valores relativos à mão-de-obra, determinação e cumprimento de prazos.

Por fim, exija um seguro para se salvaguardar de qualquer acidente.

5. Verifique a licença

Quando escolher um electricista tenha o cuidado de verificar se ele possui licença, que lhe dará a garantia de que o mesmo tem feito os cursos necessários para trabalhar em segurança e da melhor forma. Verifique se é actual e veja se abrange o tipo de trabalho que pretende.

Ficou esclarecido?

Então, não tem mais porque esperar. Avance com o seu projecto!